28 de abril de 2016

nAdAeTuDo

de nada me vale o tempo sem paz
de nada me vale a paz sem sonho
de nada me vale o sonho sem sol
de nada me vale o sol sem sorrir
de nada me vale sorrir sem chão
de nada me vale o chão sem leito
de nada me vale o leito sem amor
de nada me vale o amor sem ti

Em ti, 
o meu amor 
é leito 
e chão 
que me faz sorrir
entre o sol
e o sonho
da paz

AMo-te

2 comentários:

Maria disse...

Gosto deste pôr-de-sol......

:)

mar disse...

lindo... eu amo viver simplesmente....

aTuAaUsÊnCiA

A tua ausência morde-me o tempo e já não sei muito bem contar. Contar os dias que faltam ou contar os passos obrigatórios. Sabes que o me...