5 de setembro de 2013

(H)aMaR

Leve, leve, o sorriso do dia a nascer
Mágico o sabor da tua pele em mim
Canto forte, nesta vida de te ter
Pousada em flor no meu jardim!

Bom, bom, o abraço do nosso abrigo
Céu de acordar neste amor sem fim
Abro-me em mar e tudo consigo
No embalo da flor no meu jardim!

1 comentário:

Maria disse...

Que dizer?
Setembro novo! Que a chuva, quando chegar, regue bem o teu jardim para essa flor não secar!

Abraços.

aTuAaUsÊnCiA

A tua ausência morde-me o tempo e já não sei muito bem contar. Contar os dias que faltam ou contar os passos obrigatórios. Sabes que o me...