26 de dezembro de 2012

ApReNdIzDeSiLêNcIoS

Ensinas-me o silêncio e eu não sei
Deixo o tempo a esvaziar...
Onde está o sorriso que te dei?
Guardado, a chorar...

Reforço-me no que não sou
Este calo que se cala assim...
Parece que tudo parou
Numa chaga que não se fecha em mim!

2 comentários:

Maria disse...

.............
Nada que um ferrero rocher não resolva.......

;)

Silenciosamente ouvindo... disse...

Venho desejar um Feliz 2013.
Outro desejo: que nos visitemos
mais em 2013.
Tudo de bom para si.
Bj.
Irene Alves

DeHoJeDeSeMpRe

Esta flor que nasce no vento Este sorriso que trago em mim Sabe-me melhor no momento Em que me acordas assim Este mar que s...