31 de março de 2015

FuGa

... Foi então que o Pequeno Príncipe resolveu perder-se. Procurou um jardim que fosse suficientemente grande e belo ao mesmo tempo. Depois afundou-se no calor dos cheiros e das cores. Sem se preocupar com o caminho de volta.

2 comentários:

Maria disse...

Um dia destes o Pequeno Príncipe perde-se de vez. Depois quero ver como volta para casa, se não levar gps :-D <3

mar disse...

É por causa dos que vivem na lua que vale a pena viver na terra... Alguém disse e eu concordo a 200%

m0rAsEmMiM

Moras na solidão mas os teus olhos são de mar Moras na solidão mas o teu bairro é a tua voz Moras na solidão mas o teu corpo é de bail...