26 de março de 2013

p0eMaDeAm0r

Quero uma janela aberta sobre o mar
O leito branco ao nosso vento
Sentir cada calor de um abraço lento
Que tem o embalo do mundo a cantar

Às vezes grito, outras, beijo de olhos fechados
Saber do tempo que se faz é um caminho de se caminhar
Soltem-se os sorrisos e os punhos cerrados
Construa-se uma janela aberta ao mar!

Teu corpo, manto colorido em pele de cetim
Envolvendo o meu olhar, o meu pensamento
Transformando o desejo que há em mim
No leito branco ao nosso vento

Meu sussurro, melodia de paixão e ternura
Um ninho doce, forte erguer em movimento
De um futuro que se beija e se procura
No calor de um abraço lento

Amo-te na corrente de estar contigo
Porque aqui é estar e amar
Minha apaixonada, meu sol e abrigo
Embalo do mundo a cantar! 

1 comentário:

Maria disse...

...........
...........
...........
Amo-vos!

Abraço-te.

aTuAaUsÊnCiA

A tua ausência morde-me o tempo e já não sei muito bem contar. Contar os dias que faltam ou contar os passos obrigatórios. Sabes que o me...