26 de dezembro de 2011

qUe!

Que os trilhos se plantem fortes nos canteiros! Que as saudades ecoem os seus cantos sempre pioneiros! Que as trovas escolham os seus beijos e abraços! Que cada respiração nunca me troque os passos... Que os aromas sejam ondas na minha voz! Que os rios sejam felizes ao dar à foz! Que nunca se esqueçam as janelas e os laços! Que cada respiração nunca me troque os passos... Que o sol seja meu eternamente! Que o peito teça o manto colorido, seguro e quente! Que o mundo aconchegue na ternura os seus cansaços! Que cada respiração nunca me troque os passos... Que os meus irmãos entrem na minha casa para ficar! Que os sorrisos sejam punhos na alegria de lutar! Que o vento me torne a enfeitar os braços! Que cada respiração nunca me troque os passos... Que todos se encontrem para um salto aberto ao mundo! Que o passado me devolva o saber mais profundo! Que sempre se encontrem os amores e os regaços! Que cada respiração nunca me troque os passos...

2 comentários:

Maria disse...

Que cada abraço nunca me confunda o passo...
Que cada respiração não me saia do coração...
Que cada grito deixe de ser de dor aflito...
Que cada olhar saiba ler a fome de amar!

Parole disse...

Que o mundo aconchegue na ternura os seus cansaços!

Desejo melhor não ha...

Bjs

aLuCiNaÇã0

Prometo-te um poema de amor, meu amor. Sim, hei-de chamar-te "meu amor"... Posso, meu amor? Gosto da palavra "amor&quo...