25 de julho de 2009

f0mEdEtAnTo

Fome de tanto.
Silêncio. Vento de encontro à saudade
Que me rói o peito
Um pedaço de tudo,

Da minha alma sem leito.
Que o meu rio é um manto à toa
Em cada canto.
Sou essa fome de tanto.
Sim.
Como um vulcão
Que em mim se refaz.
Me rasga pela frente,
Por dentro e por trás.
Só para de novo te sentir
Num outro beijo ainda por vir...

13 comentários:

Maria disse...

A minha fome é insaciável. De tantos silêncios alimentada. A minha fome tem o tamanho da Terra. De tantas dores sufocada. A tua fome é de tanto a minha de quase tudo...

Abraço-te Pedro.

AnaMar (pseudónimo) disse...

E outro a seguir...
Insaciável a sede de afagos.

Um beijo meu.

prAia em Mim disse...

excelente fome de amor e paixão, assim descritas! q o teu porvir, te faça sorrir...

bj em madrugada

maré disse...

insaciada
mente

como o leito
de um rio.

jorro de lava

_____
um beijo Pedro

cristal disse...

Belíssimo poema!!!

Por vezes basta um sorriso, um olhar, um olá...
(e não consigo deixar mais palavras)

Abraço, Pedro

Boa semana

diana disse...

A fome do ser humano é sempre de tudo. Insaciável.

Fernanda disse...

Obrigada pelas simpáticas palavras deixadas no meu Blogue.

Tinha que ser mais um poeta para gostar da beleza natural.
Sou apaixonada por poesia, infelizmente só escrevo prosa.

Parabéns.
Fernanda Ferreira

Lídia Borges disse...

"É tudo quanto sinto um desconcerto;
Da alma um fogo me sai, da vista um rio;
Agora espero, agora desconfio,
Agora desvario, agora acerto".

Luís de Camões

Um beijo

Delirius disse...

"Que o meu rio é um manto à toa
Em cada canto.
Sou essa fome de tanto."

Dos poemas mais belos que li de ti.
Amei a força desse sentimento e de como o descreves.

Beijo, Pedro.

Ana Martins disse...

Lindo poema... Com uma profundidade imensa!

Beijinhos,
Ana Martins

tulipa disse...

Porque os erros passam.
A verdade fica.
Só através dela Somos...
Alguém
que AMA,
SENTE,
RESPIRA,
CHORA,
SONHA,
Seremos...isso tudo,
assim espero.

Gostei de te ler.
Abraço.

maresia_mar disse...

Olá

um poema belissimo que se nota vir bem de dentro e muito sentido!

Uma boa semana

Apenas eu disse...

é bom ler-te...
bom mesmo.

beijo Pedro e aquele abraço...

aTuAaUsÊnCiA

A tua ausência morde-me o tempo e já não sei muito bem contar. Contar os dias que faltam ou contar os passos obrigatórios. Sabes que o me...