22 de fevereiro de 2008

cÉpIa

Os degraus do tempo ilustram-nos as memórias. E somos contemplação e solidão.

3 comentários:

Maria P. disse...

Cor terra...


Beijos*

Claudia disse...

Li há pouco tempo uma frase que me deixou a pensar (como tantas outras me deixam):

"...a memória é um juiz inclemente."

Ao princípio estranhei. Depois intuí que não podia ser mais certo...

Beijo Pedro

P.S. não te esqueças de aproveitar a exposição da Graça Morais na biblioteca!!!

Maria disse...

A verdade toda. aqui.

Beijo, Pedro

aTuAaUsÊnCiA

A tua ausência morde-me o tempo e já não sei muito bem contar. Contar os dias que faltam ou contar os passos obrigatórios. Sabes que o me...